maio 13, 2021
COVID-19

Governo vacinará todos os profissionais das unidades públicas de referência

Inicialmente, Campanha de Vacinação Contra a Covid em Alagoas também abrange 7.599 indígenas e 1.246 idosos que residem em albergues e asilos

Márcio Ferreira

Agência Alagoas

Texto de Severino Carvalho, Josenildo Törres e Nigel Santana

Com a chegada da primeira remessa de 87.760 doses da vacina Coronavac a Alagoas, na noite de segunda-feira (18), a Campanha de Vacinação contra a Covid-19 foi iniciada, nesta terça (19), pelos trabalhadores da saúde que atuam no enfrentamento à pandemia, 7.599 indígenas e 1.246 idosos institucionalizados, que residem em albergues e asilos, com 60 anos ou mais.

Além deste público, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) irá dividir, de forma equânime, 21.510 doses para os 102 municípios alagoanos, com o intuito de vacinar os profissionais de saúde que atendem pessoas com suspeita ou que testaram positivo para o novo coronavírus.

Com relação aos profissionais de saúde que atuam no enfrentamento da pandemia da Covid-19, serão vacinados inicialmente todos os que trabalham no Hospital da Mulher (HM), Hospital Metropolitano de Alagoas (HMA), Hospital Geral do Estado (HGE), Hospital de Emergência do Agreste (HEA), Hospital Escola Helvio Auto (HEHA) e Hospital Regional do Norte (HRN).

Também serão contemplados os trabalhadores da saúde do Hospital Regional da Mata (HRM), Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Polo de Atendimento Regional da Covid-19 de Campo Alegre, Centrais de Triagem de Maceió e Arapiraca, Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da capital e do interior, Hospital Drº Ib Gatto Falcão, Enfermaria e UTI Covid-19 da Maternidade Escola Santa Mônica (MESM) e Programa Nacional de Imunização (PNI) Estadual e de Maceió.

Com a chegada de novas remessas a serem enviadas pelo Ministério da Saúde, a vacina contra a Covid-19 será ministrada ainda para os 284.437 idosos entre 60 e 74 anos e, na sequência, serão imunizados os 98.699 idosos alagoanos com 75 anos ou mais. A Campanha de Vacinação contra a Covid-19 vai contemplar também 245.421 portadores de comorbidades, que apresentam maior chance para agravamento da doença.

Entre as principais comorbidades, estão diabetes mellitus, hipertensão grave e Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC). Também figuram entre as pessoas prioritárias para receber a vacina contra a Covid-19, os doentes renais, cardiovasculares e cerebrovasculares, além dos indivíduos transplantados de órgão sólido, pessoas com anemia falciforme, câncer e obesidade grave.