maio 16, 2021
Política

Lockdown: ‘Se a taxa de ocupação subir muito, não nos sobrará alternativas’, diz RF

Governador assinou ordem de serviço da nova base descentralizada do Samu, na parte alta da capital.

Reprodução
Renan Filho volta a apelar pelo cumprimento do distanciamento controlado

Alagoas 24 Horas

O governador Renan Filho (MDB) se mostrou preocupado com o crescimento no número de casos de Covid-19 em Alagoas e o aumento da taxa de mortes. Segundo o chefe do Executivo Estadual, na última semana, 70 pessoas perderam a vida no Estado em decorrência da doença. No auge da pandemia, Alagoas registrou 225 mortes em uma única semana.

Renan Filho disse que o estado tem feito seu papel com a cobrança de doses da vacina junto ao Governo Federal e ampliação da rede hospitalar. Contudo, o cidadão e os empresários precisam reforçar as medidas de distanciamento controlado. “Fundamental pedir ao cidadão que colabore com as medidas de distanciamento, evitem aglomeração, evitem ir aos lugares onde não é obrigado a ir, eventos familiares. Nós não queremos fechar mais setores produtivos do Estado, para não fechar a economia, mas é fundamental que empresários e o cidadão alagoano compreenda que a gente não pode ver superlotado os hospitais”, defendeu.

O gestor relembrou a decretação de fechamento em vários estados do Nordeste, mas avalia que Alagoas está em melhor situação, salientando que o crescimento da doença é proporcional à aglomeração e à falta de proteção individual.

O governador também comemorou a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que autorizou a compra de vacinas por estados e municípios, contudo, ele lembra que não há produção suficiente para a aquisição, embora o estado tenha recursos para isso.