setembro 20, 2021
Destaque

Renan Filho defende agilidade no cronograma de vacinação; novas doses chegam dia 24

Governador participou da reunião com o ministro da Saúde nesta quarta-feira (17)

Márcio Ferreira

Agência Alagoas
Texto de Kelly Cordeiro

Em reunião virtual nesta quarta-feira (17), os governadores do país e o ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, trataram das próximas etapas da vacinação contra a Covid-19. Segundo o governador de Alagoas, Renan Filho, o ministério anunciou que no próximo dia 24, novas doses serão distribuídas aos estados brasileiros. O encontro foi marcado pelos governadores para solicitar um cronograma de entrega das vacinas para que a população seja imunizada o quanto antes.

“Hoje completamos 30 dias do início da vacinação no Brasil. Entretanto, vacinamos até agora menos de 3% da nossa população, o que indica a necessidade de agilizarmos o processo para imunizar o quanto antes os idosos e todos os profissionais de saúde da linha de frente. Isso vai ajudar a tirar a pressão do sistema de saúde e a reduzir o número de mortes no país”, disse Renan Filho.

O ministro apresentou uma previsão do quantitativo de doses já contratadas para imunizar os brasileiros. Segundo Pazuello, o Brasil deve distribuir mais de 11 milhões de doses até o final de fevereiro, outras 35 milhões em março e até junho a meta é vacinar metade da população. De acordo com o ministério da saúde, até dezembro a previsão é de que o país tenha, aproximadamente, 450 milhões de doses de diversos laboratórios, o que daria para imunizar toda população brasileira vacinável ainda este ano.

Ainda na reunião, os governadores trataram do financiamento de leitos de UTI por parte do Governo Federal e o ministro garantiu que vai continuar habilitando todos os leitos que os estados utilizarem para o tratamento de pessoas acometidas pela Covid-19.

“A garantia dos recursos da União para financiar os leitos é fundamental para o pleno funcionamento do combate à pandemia de Covid-19. Esse é momento de união, todo mundo precisa trabalhar junto para oferecer o melhor resultado às pessoas”, completou o governador.

Além dos governadores, participaram da reunião o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, e a presidente da Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz), Nísia Trindade.